Praia Grande cobra apoio do presidente da República sobre retomada de obras de unidades habitacionais

Secretaria de Habitação (Sehab) da Cidade enviou ofício solicitando apoio para ações

A Prefeitura de Praia Grande está utilizando todas as armas buscando a retomada das obras de 134 unidades habitacionais que estão paralisadas. A Cidade já solicitou apoio para a Caixa Econômica Federal, agente financeira do programa Casa Verde Amarela. Agora, a Secretaria de Habitação (Sehab) do Município cobra medidas do presidente da República, Jair Bolsonaro, de senadores e deputados federais.

A Sehab enviou ofícios assinados pela prefeita de Praia Grande, Raquel Chini, para 30 políticos que ocupam esses cargos e conquistaram seus mandatos na última eleição recebendo votações expressivas no Município. Na comunicação, a Cidade explica que essas obras já foram contratadas e iniciadas dentro do programa federal Minha Casa, Minha Vida, que agora passou a ser denominado como Casa Verde Amarela.

“A Prefeitura de Praia Grande está buscando agilizar a retomada dessas obras pelo fato de que essas 134 famílias já foram sorteadas dentro do programa habitacional e precisam urgentemente de uma moradia digna. Devido a pandemia da covid-19, a situação se agravou com o aumento do desemprego e a redução dos rendimentos”, explicou o secretário de Habitação do Município, Anderson Mendes.

O secretário de Habitação destacou ainda que Município fez a parte dele ao longo deste processo disponibilizando os terrenos para as construções dos conjuntos habitacionais. “Esperamos que o Governo Federal possa destinar recursos para a retomada dessas obras. Vamos seguir atuantes cobrando uma definição. Praia Grande espera contar com o apoio desses políticos que receberam votação expressiva na Cidade na última eleição. Chegou a hora deles retribuírem de alguma forma a confiança que a população praia-grandense depositou neles”, disse Mendes.

As obras estão paralisadas nos seguintes conjuntos: Sítio do Campo IA, IB e IC, além do Sítio do Campo II, Antártica e Santa Marina.

Cobranças – Já nos primeiros meses deste ano a Secretaria de Habitação de Praia Grande cobrou maior agilidade junto à Caixa Econômica Federal, responsável pela contratação da construtora para realização dos serviços.

No último dia 21 de julho, em reunião online, a própria prefeita da Cidade, Raquel Chini, cobrou o retorno desses trabalhos ao secretário Nacional de Habitação, Alfredo Eduardo dos Santos. Na oportunidade, o representante do Governo Federal afirmou que aguardava uma suplementação orçamentária para o setor no mês agosto.

“Somente através desta operação financeira o órgão terá possibilidade de estudar dar sequência aos projetos paralisados em todas as regiões do País”, disse o secretário nacional na reunião online.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *