Sistema de ar-condicionado em linhas de ônibus de Praia Grande é religado

Equipamentos serão higienizados e devem estar funcionando a partir de segunda-feira (4)

O sistema de ar-condicionado dos veículos das 14 linhas de ônibus municipais, em Praia Grande, voltará ao funcionamento a partir da próxima semana. Desligados desde março de 2020, seguindo orientações dos órgãos de saúde como forma de evitar o contágio do coronavírus (covid-19) nos períodos mais críticos da pandemia, os equipamentos serão higienizados nos próximos dias e serão religados gradativamente a partir da próxima segunda-feira (4).

A decisão vem em um momento de significativa queda no número de casos de covid no País, o que resultou, inclusive, na flexibilização do uso de máscaras em todo o Estado de São Paulo.

A Secretaria de Transportes (Setransp) e a empresa concessionária Viação Piracicabana decidiram religar o ar-condicionado dos ônibus com base no parecer nº 32/2022 do Comitê Técnico-Científico de Enfrentamento à covid-19, composto por profissionais da área como médicos, fisioterapeutas, enfermeiros, farmacêuticos, entre outros, dos mais diversos níveis de atenção em saúde, como Atenção Básica, Pronto-Socorro, Especialidades Médicas, Samu e rede hospitalar.

Dentre os itens apontados no parecer está o atual cenário epidêmico e como as altas temperaturas podem comprometer a eficácia das máscaras faciais, após o suor umedecer os tecidos. Inclusive, o sistema de transporte e seus respectivos locais de acesso estão entre os locais onde a utilização da máscara continua sendo obrigatória.

O secretário municipal de Transportes, Leandro Avelino, destacou que a atual etapa de manutenção e higienização dos equipamentos antes que seja retomado o sistema nos ônibus é essencial. “Como o ar-condicionado está desligado há muito tempo, é importante que seja analisado individualmente cada um dos itens para realizar qualquer manutenção que possa ser necessária. Além disso, todos os equipamentos serão higienizados para que possamos oferecer o melhor serviço possível aos usuários do sistema”, explicou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.