Lipofracionada: Procedimento menos invasivo para retirada de gordura corporal

Realizada em pequenas partes do corpo, cirurgia permite recuperação mais rápida

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), a lipoaspiração está na segunda colocação dentre os procedimentos mais realizados no país, atrás apenas de aumento de mama.

A lipoaspiração do tipo fracionada é uma atualização da lipo comum, capaz de eliminar 100% da gordura localizada presente em áreas como abdômen, cintura, costas, coxas e braços. O médico cirurgião plástico, Victor Cutait, precursor da técnica no país, conta que a lipofracionada tem o princípio da lipoaspiração comum, que é aspirar a gordura, mas, realiza a eliminação segmentando o procedimento em diferentes sessões para cada parte do corpo.

“É feita a marcação da região do corpo que possui gordura localizada, aplica-se anestesia local e depois apenas aquela área é aspirada. Cada sessão é feita em um intervalo de uma semana”, explica. Como a anestesia é local, os riscos são muito menores, pois o paciente permanece consciente durante o procedimento. “Os perigos de embolia, perfuração e complicações por conta da anestesia são muito baixos”, complementa.

Ele também avalia que outra das vantagens da técnica é justamente o período de descanso entre uma sessão e outra. Focado em pequenas áreas do corpo, o procedimento é bem menos invasivo do que a cirurgia convencional que retira o corpo inteiro em apenas uma sessão. A dor e inchaço também são muito menores comparados à lipo comum. Desta maneira, o paciente pode realizar as atividades cotidianas normalmente.

Além disso, a lipofracionada permite que o procedimento seja feito em uma unidade ambulatorial, diferente da convencional, em que a internação requer ambiente hospitalar.

Também é possível retirar a gordura de todos os tipos corporais, inclusive de pessoas acima do peso. Em cada sessão retira-se até 5% do peso, respeitando a normativa do Conselho Federal de Medicina. Como são realizadas várias etapas, retira-se toda gordura localizada independentemente do peso.

Fracionada X Tradicional

O médico esclarece abaixo todas as características que marcam cada uma das técnicas.

Na lipoaspiração tradicional, a internação é feita em um hospital e é retirado apenas 5% do peso com aplicação da anestesia geral – na qual paciente fica desacordado durante o procedimento – ou anestesia peridural, onde apenas os nervos envolvidos são anestesiados, o que aumenta a complexidade da cirurgia.

Em relação ao tempo de recuperação, é possível se recuperar em torno de 30 dias e os resultados podem ser conferidos após seis meses de cirurgia.

Já na lipoaspiração fracionada, retira-se toda a gordura, pois é feita por partes, como também não é necessária a internação em ambiente hospitalar, o que reduz o custo total do procedimento. Além disso, não há necessidade de afastamento das tarefas cotidianas e os riscos de complicações são muito menores.

Para manter o resultado por mais tempo, é ideal ter uma dieta balanceada e praticar exercícios físicos regularmente.

A lipoaspiração elimina gordura localizada, mas não necessariamente isso significa diminuição de peso, já que a gordura tem baixa densidade. Ao invés disso, o paciente perde medidas na região em que a gordura foi retirada. “Independentemente do número na balança, o que realmente importa é a pessoa se sentir em dia com sua autoestima”, finaliza o especialista.

Victor Cutait possui graduação em Medicina pela Faculdade de Medicina de Marília (2001) com especialização em cirurgia plástica pelo Instituto Brasileiro de Cirurgia Plástica, em São Paulo. Ele é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), professor de cirurgia plástica da Universidade Nove de Julho (UniNove) e dirige a Clínica Cutait Cirurgia Plástica, especializada em Cirurgia Plástica, Dermatocosmiatria e Fisioterapia Dermatofuncional. O médico cirurgião é pioneiro em lipoaspiração fracionada no Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: