Animais de pessoas em situação de rua recebem atendimento veterinário em Praia Grande

Iniciativa é do Departamento de Saúde Ambiental e Consultório na Rua

Um projeto do Departamento de Saúde Ambiental, em parceria com o Consultório na Rua (Conar) de Praia Grande, está oferecendo atendimento veterinário aos cães de pessoas em situação de rua. O projeto que teve início na última semana e, em apenas dois dias, atendeu 33 animais tem como principal objetivo promover a saúde tanto das pessoas quanto de seus animais. O trabalho consiste na orientação, avaliação clínica, vermifugação, vacinação e, quando permitido, castração dos animais.

De acordo com Luiz Carlos Marono, diretor do Departamento de Vigilância em Saúde, duas veterinárias e uma auxiliar da Saúde Ambiental e a equipe do Conar percorrem as ruas de Praia Grande oferecendo esse atendimento. “ O Consultório na Rua já realiza o atendimento médico dessa população, é um consultório móvel e a equipe de saúde já conta com a confiança das pessoas em situação de rua, o que facilita a ação das veterinárias”, explica.

Uma das veterinárias do projeto, Maíra Freitas Rocha, comenta que o projeto é importante para evitar a transmissão de zoonoses (doenças transmissíveis de animais para humanos) e também o controle populacional desses animais. “Esta atuação multidisciplinar faz parte da Saúde Única, uma abordagem focada na saúde dos seres humanos, dos animais que interagem e do ambiente que estão inseridos. A equipe mantém um olhar abrangente para promover a saúde e prevenir doenças. A atuação do médico veterinário no Sistema Único de Saúde vai muito além da clínica médica voltada aos cães e gatos, trata-se de uma abordagem com foco na coletividade e no princípio de equidade, priorizando-se populações em situação de vulnerabilidade, visando a promoção de uma saúde integral”, destaca.

Inicialmente, o projeto acontece duas vezes por semana, até que se possa mensurar a quantidade de animais e a necessidade do atendimento.

Conar- O Programa Consultório na Rua é desenvolvido pela Secretaria de Saúde Pública (Sesap), onde os atendimentos são feitos em um veículo, tipo van, equipado com sala reservada e local para vacinas e exames para atendimento de pessoas em situação de rua. Esse trabalho também é realizado de segunda a sexta em todos os bairros da Cidade. Os pacientes são atendidos, orientados e medicados por uma equipe que conta com médicos, enfermeiros, auxiliares, além do motorista. Quando necessário, esses pacientes são encaminhados à rede de saúde do município, como as Usafas ou prontos-socorros, dependendo do caso.

Como ajudar – O ideal é orientar as pessoas em situação de rua para procurarem o centro POP. O endereço é Rua Ministro Marcos Freire, nº 6,656, ao lado do PS Quietude. O telefone de contato é 3496-5054. O local funciona nos dias úteis, das 8 às 17h, no entanto a entrada dos atendidos é feita das 9 às 12h.

Praia Grande conta com um abrigo noturno no Bairro Quietude, outro abrigo no Bairro Vila Sônia e ainda o Centro POP, também no Bairro Quietude, que atende as pessoas em situação de rua e encaminha para os serviços de assistência social e saúde do Município.

Ampliação – No dia 1º de janeiro de 2021, a prefeita Raquel Chini assinou uma ordem de serviço para estudos e implantação de mais dois abrigos na Cidade. Um no Bairro Boqueirão, outro no Bairro Ocian.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *