1win kazino glory-casino pin-up 1win pin-up pin-up
Notícias Corporativas

Inscrições para 3° ciclo do Recip são prorrogadas

Estão abertas  as inscrições para o 3º Ciclo do Reconhecimento Inovação com Propósito (Recip). A iniciativa é fruto da parceria entre Fenasbac, Banco Central do Brasil e da Cooperativa de Crédito Federal das Nações Unidas (UNFCU – ONU). Podem participar as cooperativas financeiras singulares, independentes e de qualquer porte de todo o Brasil. Para isso, basta inscrever-se por meio do site oficial do Recip até o dia 28 de junho de 2024. 

No ato da inscrição, as interessadas responderão a um questionário cuja finalidade é avaliar as capacidades de cada concorrente nos quesitos gestão e inovação. Ao todo, são 35 perguntas divididas em cinco eixos temáticos:

  • Inovação participativa: analisa o envolvimento dos cooperados nos processos decisórios.
  • Inovação colaborativa: avalia a habilidade da cooperativa em colaborar com outras instituições para criar soluções inovadoras.
  • Inovação em desenvolvimento de capacidades: examina os investimentos da cooperativa em capacitação e desenvolvimento de seus colaboradores.
  • Inovação ESG: mede o compromisso da cooperativa com os princípios de ESG (Ambiental, Social e Governança).
  • Inovação em finanças verdes: avalia a oferta de produtos e serviços financeiros sustentáveis pela cooperativa.

O principal propósito por trás do Recip é aumentar a visibilidade sobre o valor do cooperativismo financeiro no Brasil. Além disso, a Fenasbac também visa reconhecer as melhores práticas de gestão e inovação das cooperativas singulares. Por fim, a iniciativa busca fomentar o desenvolvimento sustentável do setor e auxiliar as cooperativas na identificação de oportunidades de melhoria em sua gestão.

Por que participar do Recip

Para Rodrigoh Henriques, diretor de inovação da Fenasbac, o Recip é uma oportunidade única para as cooperativas financeiras demonstrarem seu compromisso com a inovação e o propósito. Para ele, isso permite que elas “olhem para seus processos, seu alcance na comunidade, seus projetos, iniciativas e metas com criticidade e comparem o quanto cada uma delas cumpre os aspectos fundamentais do propósito cooperativista”.

De forma resumida, o Recip acaba sendo uma ferramenta para que as cooperativas aprendam com as melhores práticas do setor e identifiquem oportunidades de melhorias em sua gestão. Para Flávia Dutra, analista de projetos do Recip, “aumentar a participação das cooperativas singulares é crucial para ampliar o alcance do projeto e evidenciar o compromisso do setor com a inovação e a sustentabilidade”. 

Ou seja, com o Recip, as cooperativas participantes têm a chance de quantificar e reconhecer o impacto de suas atividades não-financeiras, fomentando o avanço sustentável do setor e ressaltando os exemplos que são mais relevantes. Henriques ainda destaca que essa avaliação “fortalece o cooperativismo e reconhece as singulares que atuam incansavelmente na geração de impacto positivo na sociedade”. 

Por fim, Flávia Dutra enfatiza que “nas edições anteriores, o Recip desempenhou um papel fundamental no mapeamento e na disseminação das melhores práticas no cooperativismo financeiro, e nesta edição, nosso objetivo é atrair ainda mais cooperativas singulares de todo o Brasil”.

Para mais informações, basta acessar: https://reconhecimento.ifenasbac.com.br

1win mexico