Agricultura: livro desvenda benefícios sobre o uso da soja

A publicação “Soja – Nutrição e Sabor” é um manual feito para quem busca a boa saúde sem abrir mão do sabor nos preparos alimentares

Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro) e o Centro de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável – CESANS lançaram o livro “Soja – Nutrição e Sabor”, um manual feito para quem busca a boa saúde sem abrir mão do sabor nos preparos alimentares.

A soja e seus benefícios vêm sendo cada vez mais discutidos por especialistas em nutrição e alimentação saudável. Com isso, percebeu-se a necessidade de compilar informações sobre os benefícios da soja, os produtos comercializados, as técnicas adequadas de preparo, além de opções variadas de receitas.

A publicação traz informações sobre os benefícios da soja à saúde e sua importância nutricional. Contém preparações à base de soja, incluindo métodos de preparo que visam o aproveitamento integral dos nutrientes.

A história da soja

A soja surgiu na China por volta do século XI a.c. e chegou ao ocidente no final do século XV. Nutricionalmente a soja é muito importante por fornecer grandes quantidades de proteínas, carboidratos, fibras, minerais e vitaminas do complexo B.

Amplamente estudado do ponto de vista científico, é considerado um alimento funcional, que contêm substâncias capazes de promover a saúde, prevenir doenças, como certos tipos de câncer (mama, próstata e cólon), doenças cardiovasculares, diabetes mellitus, osteoporose, desnutrição, hipertensão e doenças renais, além de amenizar os sintomas da menopausa.

Os benefícios da soja para a saúde:

• Osteoporose: o uso da soja pode ser um método efetivo para prevenir a perda óssea após a menopausa.
• Climatério: o uso da soja pode diminuir em até 40% as ondas de calor durante o período do climatério (pós-menopausa).
• Doenças cardiovasculares: o consumo da proteína de soja em substituição à proteína animal pode contribuir na diminuição dos níveis de colesterol total, LDL e triglicérides.
• Cânceres: estudos têm concluído que o consumo de soja pode diminuir os riscos de câncer de próstata, mama e cólon.
• Desnutrição: devido ao seu valor nutritivo (carboidratos, proteínas, lipídios, minerais e algumas vitaminas), o uso da soja na prevenção e tratamento da desnutrição é de grande valia.
• Diabetes Mellitus: As fibras da soja exercem importante papel na regulação dos níveis de glicose no sangue, pois retardam a sua absorção, auxiliando no controle do diabetes.
• Outras doenças: há evidências de que o consumo da soja tem um efeito positivo no controle de outras doenças, como hipertensão, litíase (cálculos biliares) e doenças renais.

Portal do Governo de São Paulo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.